Negócio escalável: você sabe o que é?

O famoso modelo é capaz de elevar o faturamento da empresa sem que suas despesas sofram aumento equivalente à medida que a companhia cresce.  Com o negócio escalável, a empresa se desenvolve nacional ou globalmente, alcançando mais consumidores sem aumentar seus custos na mesma proporção. A escalabilidade permite que a organização faça mais com menos. É possível atingir um número elevado de clientes com investimentos relativamente baixos.

Vamos simplificar?

Um negócio escalável é aquele em que é possível expandir os ganhos sem aumentar as despesas na mesma proporção.

Conforme a empresa cresce, as principais despesas são voltadas para o aperfeiçoamento de processos. Contratação de pessoal, adoção de soluções tecnológicas, maquinário adquirido e demais investimentos atendem a demanda.

Para que uma companhia torne-se  escalável, é preciso que simplifique e padronize seus processos internos. Assim é possível elevar a produção com menos recursos e mais agilidade para diminuir as despesas e aumentar o faturamento líquido.

Para identificar se um negócio é ou não escalável, deve-se considerar:

  • Se pode ser ensinado: um indicativo de negócio escalável é quando o processo de produção pode ser ensinado;
  • Se é valioso: quando o produto é único e existe uma carência no mercado em torno do que ele oferece;
  • Se é repetível: outro sinal de escalabilidade é quando o modelo de negócios é ampliável e produz receita recorrente.

É importante lembrar que nem todos os nichos de mercado são adequados para implementar o modelo de negócios escalável. A escalabilidade é mais indicada para indústrias, startups de soluções tecnológicas e serviços de meios de comunicação.

Empresas que dependem de uma estrutura mais complexa para atender a seus clientes — como restaurantes, empresas de consultoria e outras — são pouco escaláveis. Em alguns casos, é possível alcançar esse resultado usando modelos de franchising.

Comece hoje a repensar o seu negócio e conte com a gente para te ajudar!

Tags:

Deixe uma resposta